fbpx

Good Luck Tattoo Studio

Rua Piauí, 257 - São Caetano do Sul - São Paulo - Brazil

Kena o Grande Heroi

A Lenda de \”KENA\”

Esta lenda Marquesan é em torno das façanhas de um dos heróis mais reverenciados, Kena é personificado por um herói, sempre que vemos alguém tatuado com este motivo, é quase sempre seus esboços são feitos no estilo de tatuagem Polinésia moderna, e quando se perguntado a respeito de seu significado, as respostas são as mais desencontradas não chegando a realidade de seu real significado, (Baseado em lendas Nativas).

E o motivo disto é por conta do efeito manada, um tatuador lê em algum canto da internet e repassa sem confirmar a veracidade do qu esta lendo ou checar a credibilidade de quinam escreveu sobre aquilo.Kena, que se tornou um herói por causa de sua força, coragem, tenacidade e, finalmente, sua sagacidade, é quase sempre incluído no tatuagem Marquesan tradicional, assim como outros elementos de relevância para os Polinésios ele esta presente quase sempre.

Como as deusas Samoanas gêmeas de tatuagem, Tilafaiga e Taema, (isso contaremos em outro post) Kena ganhou seu nome por sua associação com a tatuagem. Claro que sua lenda é um drama fantástico de conflitos, assim como a maioria das lendas da Polinesia, mas essa em especial por se tratar de um Semi Deus termina de forma triste.Eu acredito que ele tenha alcançado o patamar que ele possui dentro do contexto de elemento Tatuavel, por sua dualidade de ser tanto corajoso e destemido, ao mesmo tempo, sucumbindo às indiscrições de comportamento mortal, e desta forma alcançando sua posição como talvez o mais célebre dos heróis Marquesans.

Sua legenda é como se segue:

O herói mortal, chefe da Hivaoa (uma Província), Te Aa lidera uma expedição para o Submundo do Havai para lutar contra o seu governante \”Tu Tonga\”, no final da batalha, Tu Tonga presenteia a Te Aa com suas duas irmãs, que se tornam as esposas de Te AA.Ao passar do tempo Te Aa fica preso no submundo do Hawai enquanto suas esposas sobrenaturais conseguem escapar e voltar para Hivaoa.

Uma mulher dá à luz Kena enquanto o outro dá à luz Tefio.Quando Kena e Tefio crescem, se casam entre si.O casamento vai mal porque Kena é viciado em surf, e o inicio do final triste começa justamente ai.  Após 10 dias de surfando continuamente Kena começa a apodrecer e torna-se coberto com crescimento de algas, musgos e um mau cheiro.

Tefio que ja lhe havia advertido varias vezes sobre sua compulsão pelo Surf o deixa para juntar-se com outro homem, (Toee).

Kena não se abate e passa a passar maior parte do tempo em uma piscina de água doce que ele construiu revestida de pedras e um a montante do outro, com um pequeno riacho que corre entre ela (Piscina).

Passado algum tempo após ter se curado de suas enfermidades causadas pelo longo período que passou surfando e novo em folha, Kena ouve que os dois filhos de um chefe vizinho estão sendo tatuados.

Sendo cria de criaturas sobrenaturais usa seus dons adquirirmos e seqüestra o Tohunga (Tatuador) para garantir que ele será tatuador primeiro com os motivos mais originais ele queria ser o primeiro a ter motivos que não fossem copiados, seu receio é que o Tatuador tatua-se modelos de importância na cultura Polinésia em outras pessoas e ele queria ser o detentor dessas marcas ante de todos.

Depois de ser tatuado ele retorna para casa de sua mãe, em seguida acontece uma festa para a exibição de suas tatuagens e nesta festa comparecem Tefio e seu novo marido. Tefio se apaixona por Kena novamente e eles planejam fugir mas isso não se consuma e passam a se encontrar mas não podem fazer amor, porque eles são  contra a traição. Isso acontece novamente e novamente até Tefio fica doente e canta seu lamento funeral, que torna-se um mantra de canto na cultura Polinésia até hoje.

Ela então morre!

Depois de muitas outras aventuras, Kena retorna ao Havai para se encontrar com Tu Tonga, irmão de sua mãe que havia a presenteado como suvenir sua mãe a seu pai enfurecido e com sangue pisado por tudo que se sucedeu ele luta com Tu Tonga e quebra os dentes de Tu Tonga de modo que ele não pode mais comer homens.

O fim trágico de uma morte sem nenhum glamour se da quando Kena, torna-se seduzido pela visão de mulheres que o provocam de cunho erótico e ele seduzido deixa-se sucumbir cai em um poço profundo e morre, uma morte medíocre a um herói de tantas façanhas.

Para os Polinesios Kena, é uma alma condenada antes mesmo de nascer sua relação com \”Po\” (a escuridão, o lugar onde Deus e antepassados habitam local de toda a criação), e sua conexão com \”Tu Tonga\” dão todas as indicações de que o destino deste indivíduo só pode acabar mal.

No entanto, durante sua vida, ele se destacou em viver como mortal Surfou, perturbou a esposa, roubou, teve romance extra conjugal, vingou-se, são todas essas as facetas relacionáveis da condição humana.

Por ele possuir sangue divino, suas ações, foram definidas como um típico mortal falho e talvez seja por isso que ele era uma figura tão importante pois passava a visão que Deuses também pecam.

Se você pensar sobre isso, tais contos de híbridos de mortais e seres divinos, sucumbindo a seus próprios defeitos mortais devassos é repetitivo ao longo de sua história.

No final, Kena é ‘seduzido’ por mulheres devassas, cai em um poço profundo e morre.

Voltando ao símbolo de Kena, ao contrário de muitos dos outros heróis Marquesans representados nas tatuagens (que são apenas símbolos que são referidos como um herói ou heróis) Kena e sua imagem é quase sempre composto por \”Kena em seu banho\”.

Era em seu banho que Kena inventa suas tramas, para conquistar sua esposa de volta, para “re-consumar” o seu amor, era o lugar onde ele realiza seus sonhos, assim como tomava consciência de seus fracassos. Era em seus banhos que Kena planejava seu destino.

A primeira imagem acima da esquerda para direita é a versão mais simplista de Kena em seu banho ela é a pequena e tem o formato de um \”T\” no centro do invólucro adiante  o motivo evolui, ganha embelezamento a tal ponto que se torna abstrato e é ai que entra os ornamentos da tatuagem \”Polynesia Moderna\” onde eu (Janser Olicio) particularmente construo continuamente formas abstratas baseado sempre nos desígnios que esta lenda tão importante para os Marquesans não perca seu sentido lendário, que os valores de Kena sejam passados com relatividade aos preceitos que meus clientes procuram exemplificar como símbolos de positividade em suas tatuagens.

Gostaria de saber mais sobre os nossos serviços?
Clique no botão abaixo e fale conosco pelo nosso WhatsApp!